A sessão ordinária desta semana tem uma pauta mais uma vez movimentada por pedidos de informação e requerimentos dos vereadores junto ao Executivo.

Ao todo, são 56 itens que devem ser apreciados pelos vereadores, dos quais 47 são requerimentos, seis são pedidos de informação, 2 são vetos e um projeto de lei.

O único projeto de lei que consta da pauta é de autoria do vereador Silvinho Brandão que propõe que passe a ser denominada “Rua Cabo PM Salatiel Pereira dos Santos” a via pública situada no bairro do Parque Vivamar que até então se chama “Rua João Ramalho”.

Dos seis pedidos de informação, quatro são de autoria do vereador Eugênio Zwibelberg, que solicita detalhes sobre o plano de imunização do município contra a Covid-19, o Plano Integrado de Saneamento Básico de Ubatuba, processos de regularização fundiária e procedimentos administrativos para revisão e atualização do Plano Diretor.

O vereador Rogério Frediani também apresentou um pedido de informação. O vereador quer saber sobre “questionamentos formalizados bem como a disponibilização da cópia do termo de apreensão
e do processo administrativo originado pela apreensão dos materiais”.

O último pedido de informação está sendo apresentado pelo presidente da Câmara, Jorginho Ribeiro, que quer saber sobre a aplicação do Decreto proíbe a realização de horas extras pelos servidores públicos da Prefeitura de Ubatuba.

Na sequência, a ordem do dia prevê os requerimentos que vão de pedido para que se consiga junto ao governo do Estado a manutenção do chamado “Caisão” a limpeza de ruas e podas de árvores.

Compartilhe: