Entrou em vigo hoje, primeiro de janeiro, o novo valor da tarifa do transporte urbano em Ubatuba. O reajuste que elevou a tarifa para R$ 4,50 foi definido em decreto assinado pelo então prefeito Délcio Sato, no dia 28 de dezembro, a três dias do fim de seu mandato.

No documento assinado pelo, agora, ex-prefeito foram apresentados como argumentos para o reajuste o aumento dos insumos utilizados na execução dos serviços de transporte de passageiros e a necessidade de equiparar à tarifa à planilha de custos apresentada pela empresa Verdebus, permissionária do serviço de transporte coletivo urbano na cidade.

O decreto ainda ressalta que fica mantida a gratuidade no transporte coletivo para idosos acima de 60 anos de idade, até por atender à determinação da Lei municipal 3836/2015.

Também ficou definido que os usuários do bilhete único teriam entre as datas da publicação do decreto e a entrada em vigor da nova tarifa, primeiro de janeiro, a possibilidade de realizar recarga com o valor anterior, R$ 4,30.

Ao contrário do que ficou estabelecido no último reajuste aplicado pela prefeitura em setembro de 2019, quando garantiu que havia sido acordado com a empresa que o reajuste resultaria, como contrapartida numa renovação da frota, desta vez, nada neste sentido foi apresentado por parte da prefeitura.

Compartilhe: